real estate company logo
javporn
Home Imprensa Notícias Engenheiro indicado para ser reconduzido ao cargo de conselheiro da Agenersa é aprovado na Alerj
Engenheiro indicado para ser reconduzido ao cargo de conselheiro da Agenersa é aprovado na Alerj

O nome do engenheiro Moacyr Almeida Fonseca foi aprovado para ser reconduzido ao cargo de conselheiro da Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio (Agenersa) pelos próximos quatro anos. A mensagem, de autoria do Poder Executivo, foi votada em plenário pelos deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj), na tarde desta terça-feira (01/10), e será validada quando for publicada no Diário Oficial do Estado.

O nome de Moacyr Almeida já havia sido aprovado por unanimidade após sabatina conduzida pelos parlamentares da Comissão de Normas Internas e Proposições Externas da Alerj, no último dia 10 de setembro.  No plenário, a mensagem 26/2013, que indica a recondução para um mandato de quatro anos no Conselho Diretor (CODIR) da Agenersa, teve 44 votos a favor e duas abstenções. Também fazem parte do CODIR, José Bismarck Vianna de Souza, que é o conselheiro-presidente, Luigi Eduardo Troisi, Roosevelt Brasil e Silvio Carlos Santos.

Moacyr Almeida é engenheiro metalúrgico e industrial e iniciou sua trajetória profissional em 1974, na Companhia Siderúrgica Nacional – CSN. No ano seguinte, ingressou na Petrobras, empresa em que atuou por quase três décadas, até sua aposentadoria em 2003, quando exercia o cargo de gerente-executivo de Gás e Energia. Moacyr foi, por mais de dez anos, membro de conselhos de Administração das subsidiárias Nitrofertil, Arafertil e TBG, e participou ativamente da formulação de políticas e diretrizes de gás e energia no Brasil e no exterior.

Após sua aposentadoria, Moacyr atuou como consultor para os segmentos de óleo, gás e energia, até assumir, em julho de 2009, o cargo de conselheiro da Agenersa, onde por quatro anos relatou importantes processos regulatórios, dentre eles o que gerou a Deliberação Nº 1250, que reduziu de 100 mil m³ para 25 mil m³ diários o volume de gás canalizado que consumidores industriais podem adquirir diretamente do produtor no Estado do Rio.

A Agenersa é responsável pela regulação, controle e fiscalização dos atuais contratos de concessão dos serviços públicos de distribuição de gás canalizado no Estado do Rio – CEG e CEG Rio – e abastecimento de água e coleta e tratamento de esgoto na Região dos Lagos – concessionárias Águas de Juturnaíba e Prolagos.

 

rodape.png

Fornecido por Designed by: Joomla 1.5 Template, what is a database storage. Valid XHTML and