real estate company logo
javporn
Home Imprensa Notícias Ouvidoria da Agenersa registra 2,3 mil reclamações em 2011
Ouvidoria da Agenersa registra 2,3 mil reclamações em 2011

A Ouvidoria da Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio (Agenersa) recebeu, no ano passado, 2.343 reclamações de consumidores relacionados às concessionárias reguladas pela Agência. Deste total, 2.085 tiveram suas solicitações atendidas e outras 81 foram autuadas originando Processo Regulatório em tramitação na Agenersa, que é responsável pela regulação, controle e fiscalização dos atuais contratos de concessão dos serviços públicos de distribuição de gás canalizado no Estado do Rio – Concessionária Companhia Distribuidora de Gás do Rio de Janeiro (CEG e CEG Rio) – e abastecimento de água e coleta e tratamento de esgoto na Região dos Lagos – concessionárias Águas de Juturnaíba e Prolagos S/A.

A maioria das reclamações registradas pela Ouvidoria é referente à CEG: 2.257 recebidas e 2.004 “fechadas”; em seguida vem a Prolagos, com 42 ocorrências, sendo 37 solucionadas; depois a CEG Rio, com 38 recebidas e 34 solucionadas, e a Concessionária Águas de Juturnaíba registrou apenas seis ocorrências, todas solucionadas no ano passado. “As ocorrências recebidas são todas as reclamações que o nosso Call Center cadastra no sistema, e as solucionadas ou ‘fechadas’ são as respondidas e, efetivamente, solucionadas pela Ouvidoria. A CEG tem quase 800 mil clientes, ao passo que a CEG Rio tem 25 mil, a Prolagos, 90 mil, e Juturnaíba tem cerca de 55 mil consumidores, então é normal que a CEG tenha maior número de reclamações”, explica a ouvidora da Agenersa, Maria Clara Canedo. O número de ocorrências registradas de janeiro a dezembro de 2011 é semelhante ao mesmo período do ano anterior, quando foram recebidas 2.289 ligações, sendo 1.643 fechadas.

Segundo a ouvidora da Agenersa, as reclamações variam de acordo com a época do ano. “Nos períodos mais frios, a maior quantidade de reclamação da CEG e CEG Rio é sobre consumo elevado, já que os aquecedores consomem muito mais Gás Natural do que os fogões. Outra reclamação muito comum, que recebo ao longo de todo o ano, é sobre atendimento, descumprimento de agendamento, demora no atendimento de alguma solicitação. Da Prolagos e de Águas de Juturnaíba, nos períodos de alta temporada e férias, também há um aumento das reclamações, principalmente sobre falta de abastecimento”, informa a ouvidora da Agenersa.

Os usuários dos serviços concedidos podem fazer suas reclamações via ligação gratuita pelo Call Center (0800 024 9040) - o mais utilizado -, através de formulário de preenchimento simples disponível na internet (www.agenersa.rj.gov.br), por e-mail ( Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. ), via fax ou ainda através de carta endereçada à Agenersa (Av. 13 de Maio, 23/23º andar - Centro).

 

 

 

rodape.png

Fornecido por Designed by: Joomla 1.5 Template, what is a database storage. Valid XHTML and