real estate company logo
javporn
Home Imprensa Notícias Operação policial interdita parte de indústria de pescado em Cabo Frio
Operação policial interdita parte de indústria de pescado em Cabo Frio

São Pedro da Aldeia

Uma operação envolvendo policiais da Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD) e técnicos da Prolagos – Concessionária de Água e Esgoto – interditou o setor de preparo e beneficiamento de pescado da empresa “Pescado Da Hora”, localizada no bairro da Passagem, em Cabo Frio. A ação policial, realizada nesta terça-feira, 30/08, flagrou o momento em que um caminhão-pipa carregado de água de poço fazia o abastecimento da cisterna da empresa de pescado, com capacidade para armazenamento de até 300 mil litros de água. A água, de procedência desconhecida, era bombeada para nove caixas d’água com capacidade de mil litros cada uma e era usada para a lavagem e limpeza dos peixes, bem como na fabricação de gelo para a conservação do pescado.

A equipe do setor de Controle de Qualidade de Água da Prolagos foi acionada pela polícia para prestar apoio técnico às análises da água realizadas no local. O perito criminal da DDSD, José Afonso, informou que foram coletadas amostras em quatro pontos distintos de saídas de água da empresa e o resultado de todas as análises confirmou se tratar de água de poço, ou seja, imprópria para consumo humano e para manipulação de alimentos. A realização das análises também foi acompanhada pela equipe da Vigilância Sanitária da Prefeitura de Cabo Frio.

Amostras de água também foram colhidas para a análise do índice de coliformes fecais e encaminhadas para outro laboratório credenciado pelo INEA (Instituto Estadual do Ambiente).

- Em função do processo de ocupação e crescimento das cidades da Região dos Lagos, em muitas áreas, há contaminação do lençol freático devido à construção de fossas e sumidouros fora dos padrões adequados pelos imóveis e estabelecimentos. Por uma questão de saúde pública, o uso da água de subsolo deve ser destinado a fins secundários, não para consumo humano, pois não passa por nenhum tipo de tratamento - ressaltou o perito José Afonso.

O setor de preparo do pescado foi interditado pela polícia e os responsáveis pela empresa “Pescado Da Hora” foram encaminhados à DDSD, no Rio de Janeiro, para prestar esclarecimentos. O caminhão-pipa flagrado carregado de água de poço foi apreendido e o motorista será intimado pela polícia a prestar esclarecimentos.

Fonte: Ascom Prolagos

 

rodape.png

Fornecido por Designed by: Joomla 1.5 Template, what is a database storage. Valid XHTML and